terça-feira, 30 de junho de 2015

RUI GOMES DA SILVA CRITICA SORTEIO DOS ÁRBITROS


O vice-presidente do Benfica, Rui Gomes da Silva, critica bastante o regresso do sorteio dos árbitros, aprovado ontem na Assembleia Geral da Liga. Para o dirigente encarnado, o fim do sistema de nomeações é uma forma de resposta ao domínio das águias nas últimas épocas.

«As pessoas sentem-se acossadas com o sistema de nomeação. Durante muito tempo, esse sistema serviu. Até nos tempos do caso Apito Dourado. Todos nós ouvimos as escutas e nunca esse sistema foi posto em causa, mesmo depois de todos termos ficado escandalizados com o conteúdo das escutas. O Benfica foi ganhando, no campo ganham os melhores. E as pessoas que ganhavam com base no sistema que lhes servia, o do Apito Dourado, têm de fazer alguma coisa para justificar derrotas», afirmou Rui Gomes da Silva, esta terça-feira, à margem da iniciativa Dá a Cara pelo futebol amador, promovida pela Associação de Futebol de Lisboa.

Rui Gomes da Silva lembra que a liga portuguesa será a única com sorteio dos árbitros, e que o futebol português não pode ser diferente do que acontece no resto da Europa.

«O futebol português não pode ser diferente do futebol europeu. Tem que alinhar no que vem sendo a tradição do futebol europeu. A Federação tem um protocolo com a UEFA sobre a nomeação dos árbitros. Não sei qual será agora a posição da UEFA se essa medida for para a frente», sublinhou o vice-presidente encarnado.

Sem comentários:

Publicar um comentário